SONZEIRANANET

BACKUP DO SONZEIRA

Gritando HC – Discografia (1997 – 2009)

O Gritando HC foi formado oficialmente em 1995, mas desde 1992 já estavam criando os primeiros acordes nas garagens dos amigos, como já é de fato uma tradição das bandas vinculadas ao mundo do Rock, com o inspirador principal Donald junto com a Lê e algum tempo depois o Ritchie, baixista da banda. Sempre em busca de seus ideais e lutando contra as dificuldades habituais de uma banda independente, mas nunca deixando essas dificuldades abater, muito contrário disso, as dificuldades sempre foram vistas como superação e cada vez mais o Gritando HC se fortificava e com muita personalidade foram marcando e registrando a sua história no underground paulistano, o resultado da dedicação do Gritando HC foram as quase 1000 demo-tapes vendidas.

O primeiro cd foi lançado em dezembro de 97 e mesmo com uma gravação de baixa qualidade teve uma ótima aceitação no mercado, e o que valorizou a banda foram as letras diretas, e mostrando cada vez mais seu valor com uma postura de forte presença no palco compactuando com o público presente em cada show e as músicas já eram conhecidas pelos fãs devido ao trabalho de divulgação feito através das demos.

A banda já participou de programas de TV como Musikaos, Ultra-Som MTV, alguns programas do João Gordo e outros programas de rádio em Fortaleza, Recife, a Rádio Brasil 2000 aqui em São Paulo, Santos e de outras cidades do país. Foram convidados a dividir o palco com bandas nacionais e internacionais de suma importância que contribuíram e fizeram história por várias gerações e que influem até hoje como Ratos de Porão, Misfits, Olho Seco, Varukers, Dead Kennedys, shows memoráveis que nunca serão esquecidos. Seu 2° cd foi o Ande de Skate e destrua, este já com uma gravação de boa qualidade, mantendo a mesma energia do primeiro cd, que só veio a acrescentar a qualidade do Gritando HC e mostrando a preocupação da banda também com assuntos questionáveis de grande importância tanto de problemas internos que o país enfrenta das causas indígenas, desmatamentos e também sobre a origem de alimentos transgênicos, mesmo de uma forma humorada que é uma das características do Gritando HC, mas trazendo um tópico importante e um problema que vivemos até hoje.

Em setembro de 2001 o idealizador, líder principal do Gritando HC, o Donald veio a falecer um golpe da vida, mas a atitude da banda foi continuar e não desistir pois quem conviveu com ele por mais de uma década conhecia-o muito bem: uma pessoa de coragem, de fibra, que amava e se empolgava com a vida e que a melhor forma de homenageá-lo era continuar e mostrar o quanto aprendemos nesses anos juntos o valor da vida e de marcar uma história, e isso era o que o Donald queria pro Gritando HC, com isso a Lê também desde o inicio da banda compactuando com os mesmos ideais do Donald, que bem mais de companheira de banda, dividindo os mesmos ideais, tinham uma relação sólida de 10 anos, sempre com o apoio do Ritchie, o amigo fiel e eterno que dividem os mesmos ideais sempre, junto com o apoio dos demais companheiros de banda que também eram muito importantes.

O Gritando HC que cada vez conquistava mais público, esse por sua vez os recebendo com carinho e respeito e dando muito apoio e força para o grupo, pois os fãs sabem e sentem que também sempre se fez presente nos shows, com muitos até acompanhando a banda de perto desde o início. O Gritando HC decidiu não colocar ninguém no lugar do Marcelo, pois ele era insubstituível, e seguiram com os 4 integrantes que estavam na época, com muita força e a energia de sempre.

A intenção da Lê era gravar mais um cd que levaria o nome de Homenagens, uma forma de agradecer aos fãs o apoio recebido durante todos estes anos de estrada, nos bons momentos e nos momentos mais difíceis que sempre se fizeram muito presente com um carinho inquestionável, esse CD seria um ao vivo com uma compilação das músicas do 1° cd e do 2° “Ande de Skate e Destrua” somando já com algumas músicas novas da banda, o cd ao vivo foi uma forma de concretizar um ideal num momento muito importante, e quem esteve lá, sabe que foi muito especial cada momento do show e registrado fielmente na gravação, quem foi no show e escutou o cd ao vivo é como se estivesse lá novamente, e a troca de energia entre banda e público foi emocionante e intenso.

Depois desse show de gravação houve muitos outros shows em várias cidades do país, depois voltaram ao Hangar 110, uma casa bem conceituada em São Paulo onde tocam bandas muito importantes nacionais e internacionais. Lá gravaram o segundo vídeo clipe; o primeiro vídeo clipe foi com a música “Libertar Nossas Correntes” que faz parte do primeiro álbum da banda e foi veiculado à MTV na época, a gravação do 2° Vídeo Clipe, “América Latina” música que faz parte do cd Ande de Skate e Destrua!, este vídeo gravado ao vivo no Hangar não foi veiculado a TV, não lançaram.

Ainda houve uma ótima turnê no Nordeste, a melhor de todas, foi um dos melhores shows que fizeram com certeza, sentiam-se com a missão cumprida e assim que os integrantes, a Lê e o Ritchie voltaram da turnê decidiram se afastar e descansar a mente depois de uma longa jornada, depois de muito aprendizado precisaram dar um tempo para filtrar tudo que aconteceu, pois depois de mais de 10 anos numa correria louca, uma lição de vida e que às vezes se sentiam numa locomotiva que nunca parava, que não dava tempo de perceber o tempo passar e agradecem a Deus por tudo, cresceram como pessoa e como profissionais.

E agora com a mente descansada estão prontos para voltar aos palcos, as músicas antigas sempre farão parte do repertório, muitas delas que se tornaram hinos pra galera como Velho Punk, Patinho feio, Terra da garoa entre muitas outras, mas a ênfase agora é no trabalho novo que provavelmente será para o ano que vem , mas este ano com certeza, já estarão tocando algumas músicas novas.

Uma curiosidade da banda nesta nova fase é contar com um guitarrista que já foi do Gritando HC há muitos anos atrás, o Dio guitarrista que gravou a Demo-tape, e que hoje esta tendo a oportunidade de estar dividindo o palco pela primeira vez com o Gritando HC pois ele saiu da banda antes do Gritando começar a fazer seus primeiros shows vindo a acrescentar e fortalecer as raízes da banda.

Atualmente o Gritando HC conta com: Lê – voz, Dio – guitarra e voz, Ritchie – baixo e voz e Toninho – bateria. A mensagem deixada no encarte do cd Ande de Skate e Destrua dizendo: “A todos que curtem o Gritando e que vão ao nosso show, subindo no palco, levando o cabo do microfone no pé, pisando no pedal da guitarra, fazendo do palco o Kaos, se jogando no Mosh nesta Terra da Garoa, nosso Muito Obrigado”. Justifica bem a intensidade e a energia do Gritando HC correspondida pelos fãs que contribuíram muito, somando com a responsabilidade que a banda sempre teve.

O Gritando HC depois de quase 3 anos longe dos palcos volta com força, iniciando com uma turnê nas Capitais do Nordeste em julho de 2006, dando continuidade e reescrevendo uma nova página em sua história. Gritar! Gritar! Gritando HC!

Álbuns:
1997 – Gritando HC
2000 – Ande de Skate e Destrua
2003 – Ao Vivo

Resumo: Baixar Musicas Cd Mp3 Gritando HC – Discografia Download de Musicas Do disco Discografia de Gritando HC para Baixar Gratis

Summary: Download Mp3 Music CD Gritando HCDiscografia Download music from disc Discografia from Gritando HC for Download free

3 de março de 2009 - Posted by | Gritando HC

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: